ColaboraçõesNext pageArchive

"Era 10 horas da noite e eu estava no 10º andar. A lua estava cheia e eu completamente vazio, do meu prédio na sacada eu estava. A lua me chamava. Me chamou! Me chamou! Até que eu pulei, de braços abertos para que ela pudesse me segurar, mas as lua braços não tinha e eu só parei no primeiro andar."

- O menino que observava a lua.  (via revivenciador)

(Source: romeuemcrise.tumbr.com, via revivenciador)